dezembro 22, 2006

6 comentários:

Fado Alexandrino disse...

Num ambiente céptico, como aquele em que vivemos, não deixa de ser curioso que se continue a celebrar o Natal.
Afinal festeja-se o nascimento de Cristo e o que Ele significa de redenção, paz e esperança.
Pois que assim seja.

Que hoje possam dar algo de vós a alguém.
Um pão, uma esmola, um sorriso, uma desculpa.

Que para todos vós que de virtuais amigos se tornaram em amigos virtuais vão os meus desejos de umas Boas Festas e um Feliz Ano Novo.
A todos os que comentando as minhas fotos aumentaram a vontade de procurar a excelência renovo os mesmos votos.
À Cristina como alma organizadora e aglutinadora um beijo especial.

Obrigado.

zab disse...

meu amigo fado (desvirtualizando!...)

é realmente uma época do ano, em que, supostamente, se celebra o nascimento de cristo.

no entanto, não só o cépticismo (também relioso), mas as máquinas comerciais, têm vindo aos poucos a transformar o natal numa gigantesca corrente consumista, que arrasta multidões para centros comerciais, apinhados de gente, em busca de uma felicidade carregada no exagero de sacos transbordantes de presentes.

é no coração e nas palavras que deveriamos sentir e transmitir o significado do natal, e aí encontrar a verdadeira felicidade.

essa penso que foi a sua mensagem, e é essa que me tocou sinceramente.

agradeço e retribuo os votos de boas festas e feliz ano novo.

muito obrigada, também!

:)

zab disse...

*religioso e não relioso...

:/

wind disse...

Fado, excelente o graffiti e desejo-te um Bom Natal na companhia dos teus:)
beijos

Cristina disse...

Obrigada querido! com prendas ou sem, a magia do Natal é esta- saber que há quem se lembre de nós e quem nos queira bem....

um beijo especial para ti também, com pena de não te ter dado aquele abraço, real. mas, aqui fica o virtual, real também :))

Fado Alexandrino disse...

Obrigado miúdas.
Desejo a vós e a todos o melhor.
Tchim, Tchim ;)